Assessoria

Com mais de 43 anos prestados à radiofonia paraibana, o radialista Cardivando de Oliveira iniciou a carreira em plena ditadura militar. Apresentador do programa BOM DIA PARAÍBA, na rádio Sanhauá, Cardivando é dono de uma audiência invejável.Cardivando Cavalcante de Oliveira, pessoense, radialista com mais de 50 anos prestados ao radialismo paraibano, iniciou a carreira no ano de 1964, em plena ditadura militar, no bairro da Torre, como locutor da Difusora Luso-brasileira, pertencente ao radialista Manoel Alexandre.Âncora do programa BOM DIA PARAÍBA, apresentado pela rádio Sanhauá, na freqüência AM 1.280, Cardivando foi o comunicador pioneiro, a colocar o ouvinte no ar através do telefone. No seu programa, são abordados diversos temas sempre com a participação do ouvinte. Dono de um estilo singular de fazer rádio, Cardivando de Oliveira é o criador do bordão: "Tu cai daí", ora utilizado por ele, sempre que um ouvinte comete um deslize, ou exagera num determinado comentário.
  • Fábio Faria diz que TV cumpre papel fundamental para população

    Há 70 anos, no dia 18 de setembro de 1950, Assis Chateaubriand – fundador da TV Tupi -, dava o sinal verde para a primeira transmissão audiovisual aberta da história do Brasil. Hoje, em 2020, a TV aberta – que passou por diversas fases, desde a transição de preto e branco para imagens em cores, do aspecto 4×3 para widescreen, do sinal analógico, em baixa qualidade, para imagens digitais em alta resolução – ainda apresenta números consideráveis de audiência, mesmo com a crescente expansão no número de usuários da internet.

    “É importante que as pessoas que não têm condição de pagar por um serviço de TV privado tenha direito à TV gratuita. A TV aberta é isso: entretenimento das pessoas mais pobres, que não têm condição financeira de ter, por exemplo, uma plataforma paga de streaming, uma TV a cabo”, disse Fábio Faria, ministro das Comunicações, ao comentar os 70 anos da TV no Brasil.

    Segundo o ministro, TV aberta e internet não significam, necessariamente, competidores de um mesmo público e, sim, parceiros em entretenimento amplo e aberto para quem não tem condições para custear planos privados de streaming e conteúdo. “A internet ajuda a TV aberta com a interatividade. E cada vez mais veremos essa sinergia, essa integração. Queremos que cada setor tenha vida longa, e interaja com a população e leve novidades. O trabalho é esse, cada um, dentro do seu perfil, consiga levar o melhor produto para o cliente. Para a população”, argumenta o ministro.

    Com relação a acessos e audiência, o ministro disse que a parcela da população brasileira que ainda não possui internet chega a 21% – cerca de 43 milhões de pessoas. Segundo o ministro, para esse público, a televisão aberta cumpre papel fundamental de informar, entreter e educar.

    Edição: Fernando Fraga

    Agência Brasil

  • Covid-19 tem mais de 30 milhões de casos em todo o mundo

    Covid-19 tem mais de 30 milhões de casos em todo o mundo

    Doença já matou quase 1 milhão de pessoas em vários países

    Publicado em 18/09/2020 – 07:41 Por Jane Wardell – da agência Reuters – Londres

    Reuters

    Os casos do novo coronavírus pelo mundo passam dos 30 milhões, de acordo com um contagem da agência de notícias Reuters. A pandemia não mostra sinais de desaceleração.

    A Índia está firme no foco como o mais recente epicentro da crise, embora as Américas do Norte e do Sul combinadas ainda representem quase metade dos casos.

    Os números globais de novos casos diários atingiram níveis recordes nos últimos dias e o total de mortos se aproxima de um milhão, enquanto a corrida internacional pelo desenvolvimento e comercialização de uma vacina para a doença aqueceu ainda mais.

    O número oficial de casos de covid-19 no mundo é agora mais de cinco vezes maior que o total de casos graves da gripe Influenza, registrados anualmente, de acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).

    Ao redor do mundo, quase um milhão de pessoas morreram por conta da covid-19, um indicador considerado atrasado dado o período de incubação do vírus, que é de duas semanas. O número supera de longe os piores cenários anuais de mortes ligadas à Influenza, que gira entre 290 e 650 mil.

    Recorde

    Nesta semana, a Índia se tornou o segundo país, depois dos Estados Unidos, a registrar mais de cinco milhões de casos. Na quinta-feira (17), o país registrou um novo recorde no número de novos casos diários: quase 98 mil.

    O país asiático, o segundo mais populoso do planeta, tem reportado mais novos casos diários do que os Estados Unidos desde meados de agosto e representa apenas um pouco mais de 16% dos casos globais conhecidos.

    As mortes registradas na Índia têm sido relativamente baixas até agora, mas mostram tendência de alta. O país anotou mais de mil mortes diárias por dia há duas semanas.

    Agência Brasil

  • Herdeiros do ex-prefeito Jota Júnior terão que ressarcir R$ 16,9 milhões

    Herdeiros do ex-prefeito Jota Júnior terão que ressarcir R$ 16,9 milhões

    A Quarta Câmara Especializada Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba condenou o espólio do ex-prefeito de Bayeux, Josival Júnior de Souza, mais conhecido como Jota Júnior, a ressarcir ao erário a quantia de R$ 16.977.846,92, decorrente das condutas por ele praticadas durante o exercício de 2008. A decisão foi proferida no julgamento da Apelação Cível nº 0801232-76.2015.8.15.0751, que teve a relatoria do desembargador João Alves da Silva.

    Na prestação de contas do gestor, julgada pelo Tribunal de Contas do Estado, foram constatadas as seguintes irregularidades: déficit orçamentário no montante de R$ 9.443.965,63; déficit financeiro no montante de R$ 2.993.657,43; inexistência de controle patrimonial; não contabilização, no montante de R$ 4.399.817,48; multas e juros no valor de R$ 130.407,78, decorrentes de atraso no pagamento de obrigações previdenciárias ao INSS, dentre outras.

    Para o relator do processo, restou claro que o ex-prefeito do Município de Bayeux, Josival Júnior de Souza, praticou atos de improbidade administrativa, ao causar danos ao erário (artigo 10 da Lei de Improbidade Administrativa) e violar os princípios da Administração Pública (artigo 11), sendo, portanto, cabíveis as penalidades contidas no artigo 12, II e III, do mesmo diploma legal.

    O desembargador João Alves explicou que, em razão do falecimento do ex-gestor, deve-se observar o que dispõe o artigo 8º da Lei de Improbidade Administrativa, o qual diz que “o sucessor daquele que causar lesão ao patrimônio público ou se enriquecer ilicitamente está sujeito às cominações desta lei até o limite do valor da herança”.

    Com isso, o relator reformou a sentença proferida pelo Juízo da 4ª Vara Mista da Comarca de Bayeux no que diz respeito ao fato de que houve duas modalidades de improbidade, uma a que causa prejuízo ao erário e outra a que viola os princípios da administração pública. “Em relação a estes pontos, deve-se reformar a sentença primeva quanto aos artigos 10 e 11 da LIA, posto que, tratando-se de sanções de atos ímprobos que causam prejuízo ao erário ou enriquecimento ilícito, transferem-se aos herdeiros, conforme dispõe o 8º da LIA”, pontuou.

    Parlamentopb

  • Aliada de Cida Ramos é exonerada do Governo da Paraíba

    Foi publicada na edição desta sexta-feira, 18, a exoneração de Gilvaneide Nunes da Silva, ex-secretária de Desenvolvimento Humano durante a gestão de Ricardo Coutinho e servidora ligada à deputada Cida Ramos, a quem sucedeu quando ela decidiu deixar o cargo para disputar o mandato como deputada estadual.

    Em janeiro, com o rompimento entre o governador João Azevêdo (Cidadania) e o antecessor, Ricardo Coutinho (PSB), Neide permaneceu no cargo e disse que atendia a um pedido do governador. Ela foi, então, nomeada para uma assessoria no gabinete de João Azevêdo e passou a trabalhar na transição com o secretário nomeado, o vereador licenciado Tibério Limeira (PSB).

    Parlamentopb
  • Mesmo com intervenção do diretório nacional, PT registra candidatura de Anísio Maia à Prefeitura de João Pessoa no sistema do TRE-PB

    Mesmo após a intervenção do diretório nacional do PT, Anísio Maia aparece nos registros do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) como o candidato do partido à Prefeitura de João Pessoa. No sistema, Anísio Maia aparece na situação de candidato cadastrado, cuja candidatura ainda aguarda julgamento.

    O candidato parece ter sido o único do PT de João Pessoa que foi cadastrado no TRE-PB até o momento, visto que o sistema não mostra os candidatos a vereadores pelo partido.

    A candidatura de Anísio Maia foi homologada em convenção na última quarta-feira (16), mas o diretório nacional do PT decidiu intervir apenas algumas horas depois, retirando-o das eleições municipais para apoiar o candidato do PSB, Ricardo Coutinho.

    Em entrevista ao ClickPB, Anísio Maia garantiu que teve o aval do partido antes de realizar a convenção que o oficializou como candidato e classificou a intervenção como violência política. Ele afirmou que não vai desistir da candidatura e recorrerá judicialmente da forma que for cabível.

    Nessa quinta-feira (17), ele participou do primeiro debate realizado entre os candidatos à prefeitura de João Pessoa na TV Arapuan, pois, apesar da confusão, afirmou que ainda era o candidato legítimo do PT.

    Clickpb

  • Síndrome associada à covid-19 já atingiu 197 crianças e adolescentes

    Pelo menos 197 crianças e adolescentes brasileiros apresentaram, até o fim de agosto, uma série de problemas de saúde que, juntos, podem caracterizar uma nova doença potencialmente associada a covid-19, a Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica.

    De acordo com o Ministério da Saúde, do total de crianças, 140 tinham menos de 10 anos no momento em que adoeceram. Ainda segundo a pasta, a síndrome pode ter causado a morte de pelo menos 14 pacientes com idades entre 0 e 19 anos no período de maio a agosto deste ano.

    Os óbitos notificados foram registrados em oito estados: Pará (3); Rio de Janeiro (3); Ceará (2); Paraíba (2); Bahia (1); Pernambuco (1); Piauí (1); e São Paulo (1). A coordenadora de Saúde da Criança e Aleitamento Materno, Janini Ginani, lembrou que as mortes em questão estão “sob investigação”, já que várias outras síndromes podem se sobrepor, dificultando o diagnóstico.

    Segundo o último balanço, até o dia 26 de agosto, o maior número (41) de notificações da nova síndrome vinha do Ceará. Em seguida estão Pará (24); Rio de Janeiro (22); Distrito Federal (19); São Paulo (19); e Bahia (11). Também foram registrados casos em Alagoas (9); Espírito Santo (8); Minas Gerais (5); Paraíba (6); Pernambuco (9); Piauí (6); Rio Grande do Norte (9); e Rio Grande do Sul (9).

    Ontem (8), entretanto, o governo de Pernambuco anunciou que os casos da síndrome no estado já somam 16, incluindo uma morte.

    UF NÚMERO TOTAL DE CASOS NÚMERO DE ÓBITOS
    Acre
    Alagoas 9
    Amapá
    Amazonas
    Bahia 11 1
    Ceará 41 2
    Distrito Federal 19
    Espírito Santo 8
    Goiás
    Maranhão
    Minas Gerais 5
    Mato Grosso do Sul
    Mato Grosso
    Pará 24 3
    Paraíba 6 2
    Pernambuco 9 1
    Piauí 6 1
    Paraná
    Rio de Janeiro 22 3
    Rio Grande do Norte 9
    Rondônia
    Roraima
    Rio Grande do Sul 9
    Santa Catarina
    Sergipe
    São Paulo 19 1
    Tocantins
    Brasil 197 14

    Monitoramento

    Embora se caracterize por sintomas diversos, a síndrome está frequentemente associada à febre persistente, acompanhada de pressão baixa, conjuntivite, manchas no corpo, diarreia, dor abdominal, náuseas e vômitos, entre outros. Em alguns casos, o paciente pode desenvolver também sintomas respiratórios e disfunção cardíaca. Além disso, há sempre uma marcante atividade anti-inflamatória do organismo.

    Os primeiros casos da nova síndrome começaram a ser registrados na Europa em abril deste ano. Os relatos logo se multiplicaram, motivando a Organização Mundial da Saúde (OMS) a emitir um alerta para chamar a atenção de pediatras de todo o mundo.

    Em 20 de maio, o ministério divulgou, em parceria com as sociedades brasileiras de Pediatria e de Reumatologia, um primeiro comunicado sobre o assunto. A pasta pedia atenção dos profissionais de saúde para que a síndrome fosse identificada rapidamente. Os sintomas, entretanto, podem ser confundidos com os de outras síndromes, como a de Kawasaki.

    No dia 24 de julho, quando o país registrava 71 casos confirmados de covid-19 e três mortes, o ministério implantou um sistema de monitoramento nacional da síndrome por meio de formulário disponível no sistema oficial de comunicação da pasta.

    Na semana passada, ao participar de uma reunião da Comissão Externa de Enfrentamento a Covid-19, do Senado, o diretor do Departamento de Ações Programáticas Estratégicas, do Ministério da Saúde, Antonio Rodrigues Braga Neto, destacou a necessidade de se “qualificar o atendimento às crianças”, esclarecendo que a notificação, apesar de importante, não é obrigatória.

    “Ainda não temos a notificação compulsória. O que temos é uma recomendação”, disse Neto. “Entendemos que a notificação compulsória é uma ferramenta de interesse epidemiológico que facilitará a análise destes casos”, acrescentou o diretor, enfatizando que, mundialmente, ainda há muitas dúvidas sobre a síndrome.

    “É uma doença nova, muito recente. O que temos que garantir é a capilaridade das informações. [Garantir] que uma criança que chegue à atenção primária com febre há três dias e algum dos outros sintomas, como náusea, cefaleia ou conjuntivite, e que apresente alterações laboratoriais tendo a sepse sido excluída seja encaminhada para uma atenção especializada.”

    Durante a reunião, a coordenadora de Saúde da Criança e Aleitamento Materno, do Ministério da Saúde, Janini Ginani, ressaltou que a maioria das crianças e adolescentes acometidos pela síndrome é do sexo masculino, possui entre 0 e 9 anos e não tinha doenças crônicas pré-existentes.

    “Os casos têm sido mais prevalentes na faixa etária até 10 anos de idade. Entre as crianças de 0 a 4 anos, 41 eram do sexo masculino e 34, do feminino. Já entre as de 5 a 9 anos, foram 39 e 26, respectivamente”, detalhou Janini.

    “Temos visto uma dificuldade com relação à discriminação desses casos. O que, possivelmente, é uma sepse sendo notificada como uma Síndrome Inflamatória Multissistêmica. Estamos tentando separar essas causalidades; aprimorar a vigilância para entender como essa síndrome tem se desenvolvido no país, qualificando também a vigilância e [o registro] de óbitos.”
    UTIs

    Pesquisador do Instituto D’OR de Pesquisa e Ensino e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o pediatra Arnaldo Prata apresentou, durante a reunião, dados de um estudo feito com 79 crianças e adolescentes internados em 19 unidades de terapia intensiva (UTIs), públicas e privadas, de cinco estados (BA; CE; PA; RJ e SP).

    Para ele, embora o número de casos da síndrome seja pequeno, é preciso estar alerta, já que 87% das crianças internadas em UTIs testaram positivo para covid-19. Destas, 13% apresentaram um quadro clínico associado à síndrome.

    “Ou seja, entre crianças de 0 a 19 anos, a doença inflamatória multissistêmica pode acometer de 10% e 15% das que adoecem e que precisam ser internadas devido a covid-19”, enfatizou Prata.

    UTIs

    Pesquisador do Instituto D’OR de Pesquisa e Ensino e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o pediatra Arnaldo Prata apresentou, durante a reunião, dados de um estudo feito com 79 crianças e adolescentes internados em 19 unidades de terapia intensiva (UTIs), públicas e privadas, de cinco estados (BA; CE; PA; RJ e SP).

    Para ele, embora o número de casos da síndrome seja pequeno, é preciso estar alerta, já que 87% das crianças internadas em UTIs testaram positivo para covid-19. Destas, 13% apresentaram um quadro clínico associado à síndrome.

    “Ou seja, entre crianças de 0 a 19 anos, a doença inflamatória multissistêmica pode acometer de 10% e 15% das que adoecem e que precisam ser internadas devido a covid-19”, enfatizou Prata.

    Edição: Paula Laboissière

    Agência Brasil

  • PSD declara apoio a Ruy Carneiro

    O presidente estadual do PSD- Partido Social Democrático na Paraíba, prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, oficializou no início da tarde desta quarta-feira (09), apoio da legenda à candidatura do deputado Ruy Carneiro (PSDB) à prefeitura de João Pessoa. O evento ocorreu na sede estadual da sigla, no bairro do Miramar, em João Pessoa, e contou com a presença do deputado federal Pedro Cunha Lima, presidente do PSDB paraibano, e de José Gadelha Neto, presidente do PSC-JP.

    Em seu discurso, Romero destacou as qualidades de Ruy, argumentando que não estava fazendo acordo com vistas a 2022, mas pensando no bem-estar do povo de João Pessoa. “Estamos fechando acordo sem nenhuma exigência ou contrapartida, Mas porque pensamos no povo e sabemos que com Ruy João Pessoa pode avançar”, destacou Romero. Para o presidente do PSD-PB, Ruy tem experiência e pode implementar muitas ações estruturantes e fortalecer a economia da capital.

    Romero citou o turismo e políticas públicas que podem revitalizar as áreas centrais, sem esquecer as periferias da cidade. O deputado federal Pedro Cunha Lima, em breve discurso, ressaltou também as qualidades do colega Ruy Carneiro e destacou que a aliança do PSDB na Capital conta com a simpatia do seu pai, ex-governador Cássio Cunha Lima, que justificou ausência no evento por conta de compromissos profissionais em Brasília.

    Ruy Carneiro, por seu turno, agradeceu o apoio de Romero Rodrigues e revelou ter grande admiração pelo prefeito campinense, citando a atuação destacada do gestor durante a pandemia, garantindo que pretende seguir sua conduta e seu exemplo à frente da Prefeitura da Capital, caso seja eleito.

  • TCU emite certidão negativa para Cícero Lucena

    O Tribunal de Contas da União emitiu a certidão negativa do pré-candidato à Prefeitura de João Pessoa, Cícero Lucena. A emissão da certidão acontece após o Tribunal Federal Regional da 5ª Região – TRF5, deferir o pedido liminar em agravo de instrumento feito pelo ex-prefeito da Paraíba, Cícero de Lucena Filho, confirmando a elegibilidade do político, nesta quarta-feira (09).

    De acordo com o documento, não consta da relação de pessoas físicas com contas julgadas irregulares, para fins de declaração de inelegibilidade. Constam da relação consultada as pessoas físicas que, no exercício de cargo ou de função pública, tiveram suas contas julgadas irregulares por decisão transitada em julgado do Tribunal de Contas da União nos últimos oito anos que antecedem a eleição.

    A certidão foi emitida na manhã desta quarta-feira (10) e é válida durante 30 dias.

  • Cidadania convoca para convenção partidária

    O Cidadania realizará na próxima quarta-feira (16), a partir das 18h, no Estádio Almeidão, convenção partidária, em conjunto com o Partido Progressista (PP), para definir a escolha dos candidatos para as eleições municipais 2020, previstas para acontecer em 15 de novembro.

    No edital, o presidente do Cidadania em João Pessoa, o vereador Bruno Farias, convoca todos os filiados aptos a votar, para a Convenção Eleitoral onde será deliberado a respeito da estratégia eleitoral a ser adotada; deliberação sobre coligação; denominação da coligação (se aprovada); escolha de candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador; e sorteio dos números dos candidatos a vereador.

    Segundo o presidente, todos os protocolos de segurança para garantir a saúde e segurança dos presentes, como distanciamento entre as pessoas e utilização de máscaras e álcool em gel, serão tomados.

    Ascom

  • Caixa credita hoje saque emergencial do FGTS para nascidos em outubro

    Cerca de 5 milhões de trabalhadores nascidos em outubro começam a receber hoje (8) R$ 3,2 bilhões em crédito do saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) de até R$ 1.045. O pagamento será feito por meio da conta poupança digital da Caixa Econômica Federal.

    Apesar de a Medida Provisória 946, que instituiu o saque emergencial, ter perdido a validade, a Caixa manteve o calendário de saques, com base no princípio da segurança jurídica. Ao todo, o governo pretende injetar R$ 37,8 bilhões na economia, beneficiando cerca de 60 milhões de pessoas.

    Anunciado como instrumento de ajuda aos trabalhadores afetados pela pandemia do novo coronavírus, o saque emergencial permite a retirada de até R$ 1.045, considerando a soma dos saldos de todas as contas no FGTS. O valor abrange tanto as contas ativas quanto as inativas.

    Nesta fase, o dinheiro poderá ser movimentado apenas por meio do aplicativo Caixa Tem. A ferramenta permite o pagamento de boletos (água, luz, telefone), compras com cartão de débito virtual em sites e compras com código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de cartão de lojas parceiras, com débito instantâneo do saldo da poupança digital.

    Liberação para saque

    O dinheiro só será liberado para saque ou transferência para outra conta bancária a partir de 31 de outubro, para os trabalhadores nascidos nesse mês. O calendário de crédito na conta poupança digital e de saques foi estabelecido com base no mês de nascimento do trabalhador.

    Até agora, a Caixa creditou o saque emergencial do FGTS para os trabalhadores nascidos de janeiro a setembro. Os beneficiários nascidos em abril tiveram o dinheiro liberado para saque no último sábado (5).

    O pagamento está sendo realizado conforme calendário a seguir:

    MÊS DE NASCIMENTO DIA DO CRÉDITO NA CONTA POUPANÇA SOCIAL DIGITAL DATA PARA SAQUE EM ESPÉCIE
    janeiro 29 de junho 25 de julho
    fevereiro 06 de julho 08 de agosto
    março 13 de julho 22 de agosto
    abril 20 de julho 05 de setembro
    maio 27 de julho 19 de setembro
    junho 03 de agosto 03 de outubro
    julho 10 de agosto 17 de outubro
    agosto 24 de agosto 17 de outubro
    setembro 31 de agosto 31 de outubro
    outubro 08 de setembro 31 de outubro
    novembro 14 de setembro 14 de novembro
    dezembro 21 de setembro 14 de novembro

    Orientações

    A Caixa orienta os trabalhadores a verificar o valor do saque e a data do crédito nos canais de atendimento eletrônico do banco: aplicativo FGTS, sitfgts.caixa.gov.br e telefone 111 (opção 2). Caso o trabalhador tenha direito ao saque emergencial, mas não teve a conta poupança digital aberta automaticamente, deverá acessar o aplicativo FGTS para complementar os dados e receber o dinheiro.

    O banco alerta que não envia mensagens com pedido de senhas, dados ou informações pessoais. Também não envia links nem pede confirmação de dispositivo ou acesso à conta por e-mail, mensagem de texto de celular (SMS) ou WhatsApp.

    Cancelamento do crédito automático

    O trabalhador poderá indicar que não deseja receber o saque emergencial do FGTS até 10 dias antes do início do seu calendário de crédito na conta poupança social digital, para que sua conta do FGTS não seja debitada.

    Caso o crédito dos valores tenha sido feito na poupança social digital do trabalhador e essa conta não seja movimentada até 30 de novembro de 2020, os valores corrigidos serão retornados à conta do FGTS.

     

    Agência Brasil

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios