São José, Ituano e Brusque estreiam com vitória na Série C 2020

Cinco jogos deram o pontapé inicial na edição 2020 do Campeonato Brasileiro Série C. Veja como foi

A Série C está de volta! Durante este sábado (8), cinco jogos deram o pontapé inicial na primeira rodada da competição. Jogando como mandantes, São José-RS, Ituano-SP e Brusque-SC venceram seus jogos pelo Grupo B. Já pelo Grupo A, Paysandu-PA e Santa Cruz-PE empataram sem gols. Enquanto Manaus-AM e Vila Nova-GO ficaram no 1 a 1. Confira os detalhes das partidas:

+Com novo formato de disputa, Série C 2020 começa com grandes duelos

Grupo B

São José-RS 1 x 0 São Bento-SP
Estreia com o pé direito para o São José. Jogando no CT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul, a equipe gaúcha conquistou os primeiros três pontos na competição. O gol da vitória saiu na marca dos 32 minutos da etapa inicial. Maradona fez ótima jogada e cruzou na medida para Rafael Tavares estufar as redes: 1 a 0. Antes do intervalo, o São Bento teve grande chance para empatar a partida em cobrança de pênalti de Bambam, mas Fábio apareceu para salvar os donos da casa. Já no segundo tempo, o Bentão passou a jogar com um a menos após expulsão de Bruno Leonardo. Com a vantagem em campo e no placar, o Zeca controlou o duelo até o apito final.

Ituano-SP 3 x 0 Tombense-MG
Ituano vence o Tombense pela primeira rodada do Grupo B da Série CItuano vence o Tombense pela primeira rodada do Grupo B da Série C
Créditos: Diogo Reis/AGIF
O Ituano começou a Série C em ritmo aceleradíssimo. Logo aos sete minutos de bola rolando, Léo Rigo aproveitou cobrança de escanteio de Corrêa para abrir o placar no José Liberatti. O segundo do time de Itu veio no início do segundo tempo. Taliari fez boa jogada pela esquerda, a bola sobrou com Eduardo Lopes, que invadiu a área, tocou na saída do goleiro e partiu para o abraço, aos 12. Na sequência, o Tombense teve sua melhor oportunidade no jogo. Com a bola na marca da cal, Pegorari defendeu a cobrança de pênalti e manteve a vantagem paulista. Nos instantes finais do confronto, Guilherme achou Luiz Paulo em ótima posição para bater cruzado e fechar a contagem em Osasco: 3 a 0.

Brusque-SC 2 x 1 Ypiranga-RS
No Augusto Bauer, em Brusque, o time da casa largou na frente com gol de Everton Alemão. Na marca dos 29 minutos do primeiro tempo, depois de cobrança de escanteio o zagueiro artilheiro pegou a sobra e soltou o pé para fazer 1 a 0. O Ypiranga respondeu ainda na etapa inicial. Cristiano, aos 42, fez linda jogada, limpou a marcação e estufou as redes para empatar a partida. Na volta do intervalo, o duelo demorou para engrenar. Até que já aos 41 minutos, os gaúchos passaram a jogar com um a menos, depois que Reinaldo levou o segundo amarelo. Com mais espaço, o Brusque foi para o ataque e conquistou a vitória já no apagar das luzes. No último minuto de jogo, Thiago Alagoano acertou uma bomba no alvo adversário, a bola ainda beijou a trave antes de morrer no fundo do gol.

+Confira a tabela completa da Série C!

Grupo A

Paysandu-PA 0 x 0 Santa Cruz-PE
Paysandu e Santa Cruz ficaram no 0 a 0 pela primeira rodada do Grupo A da Série CPaysandu e Santa Cruz ficaram no 0 a 0 pela primeira rodada do Grupo A da Série C
Créditos: Fernando Torres/AGIF
Nada de gols na abertura do Grupo A da Série C. Na Curuzu, em Belém, o Papão teve mais a bola no primeiro tempo, mas não conseguiu furar a boa defesa tricolor. Em noite inspirada, o goleiro Maycon salvou o Santa nas tentativas de PH e Mateus Anderson. Na etapa complementar foi a vez dos visitantes levarem perigo com Augusto Potiguar. O camisa 6 bateu falta com veneno e viu a bola explodir no trave, aos nove. Mas foi só. Sem mais chances, o jogo seguiu com o placar zerado.

Manaus-AM 1 x 1 Vila Nova-GO
No último jogo do dia, manauaras e goianos se enfrentaram na Arena Amazônia. Jogando em casa, o Manaus tomou a iniciativa. Na primeira chance da equipe, Rodrigo Fumaça parou em linda defesa de Fabrício, aos 18. Logo no minuto seguinte, Luis Fernando aproveitou cruzamento na área e carimbou o travessão. Insistindo no ataque, o Manaus voltou a levar perigo, aos 30, com Rossini. Na volta do intervalo, a pressão do Gavião, enfim, surtiu efeito. Aos seis, Igor cobrou a falta, a bola passou por todo mundo e foi parar em Rodrigo Fumaça, que de primeira estufou as redes e saiu para o abraço: 1 a 0. Buscando a resposta imediata, o Vila Nova foi para cima. Dudu, aos dez, cobrou falta com categoria, mas esbarrou no travessão. Henan também tentou para o Tigre e dessa vez Jonathan salvou o Manaus, aos 27. Até que, já aos 49, Rafael Donato foi quem teve a chance e não desperdiçou. Matheus Henrique colocou a bola na área e zagueiro voou para empatar a partida: 1 a 1 e fim de jogo.

Agência Brasil

Tags

Assessoria

Com mais de 43 anos prestados à radiofonia paraibana, o radialista Cardivando de Oliveira iniciou a carreira em plena ditadura militar. Apresentador do programa BOM DIA PARAÍBA, na rádio Sanhauá, Cardivando é dono de uma audiência invejável.Cardivando Cavalcante de Oliveira, pessoense, radialista com mais de 50 anos prestados ao radialismo paraibano, iniciou a carreira no ano de 1964, em plena ditadura militar, no bairro da Torre, como locutor da Difusora Luso-brasileira, pertencente ao radialista Manoel Alexandre.Âncora do programa BOM DIA PARAÍBA, apresentado pela rádio Sanhauá, na freqüência AM 1.280, Cardivando foi o comunicador pioneiro, a colocar o ouvinte no ar através do telefone. No seu programa, são abordados diversos temas sempre com a participação do ouvinte. Dono de um estilo singular de fazer rádio, Cardivando de Oliveira é o criador do bordão: "Tu cai daí", ora utilizado por ele, sempre que um ouvinte comete um deslize, ou exagera num determinado comentário.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios