Prefeitura de João Pessoa inicia instalação de pias portáteis em mercados públicos e distribuição de mais de 100 mil novas máscaras

A

Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) iniciou, na manhã deste sábado (23), a instalação de pias portáteis com água potável, sabonete líquido e papel toalha, nas entradas dos 19 mercados públicos da Capital. Além disso, também foi intensificada a distribuição de máscaras do programa “Uma a Mais”, que prevê a distribuição de mais de 100 mil itens de proteção até o final da próxima semana. Nesta manhã foram entregues 3 mil máscaras produzidas através da parceria da gestão municipal com profissionais de costura da Capital. A ação teve início no Mercado da Torre.

“Instalamos, em média, dois lavatórios por mercados. Ao todo, são 40 pias portáteis. E é importante destacar que todos esses equipamentos foram feitos por profissionais da própria Prefeitura, da Oficina Escola. Feito por nós, um equipamento desse saiu em média por 280 reais, enquanto no comércio um equipamento desse chega a 1.500 reais. Isolamento social e higienização das mãos são as melhoras de formas de prevenção à Covid-19”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Zennedy Bezerra.

O secretário explicou ainda que, em todos os mercados, também é feito o controle de acesso dos clientes para evitar aglomerações e, além dos lavatórios, também é feita a higienização com álcool em gel. As máscaras, que agora tem uso obrigatório de acordo com o decreto municipal, foram distribuídas também aos comerciantes. “Aqui no Mercado da Torre também fizemos a entrega de um kit com quatro máscaras para cada comerciante, mas também para os clientes que estavam sem máscaras”, frisou o secretário da Sedurb.

Uma a Mais – Aproximadamente 200 profissionais autônomos de costura ou inscritos como microempreendedores individuais, selecionados por edital, recebem material e uma ajuda financeira de até R$ 800,00 para confeccionar as máscaras. A medida fortalece a cadeia produtiva do segmento e contribui com a distribuição do equipamento de proteção, essencial na redução da propagação do vírus. Com esta distribuição, até o final deste mês, a PMJP deve chegar à marca de 200 mil máscaras distribuídas.

Secom PMJP

Tags

Assessoria

Com mais de 43 anos prestados à radiofonia paraibana, o radialista Cardivando de Oliveira iniciou a carreira em plena ditadura militar. Apresentador do programa BOM DIA PARAÍBA, na rádio Sanhauá, Cardivando é dono de uma audiência invejável.Cardivando Cavalcante de Oliveira, pessoense, radialista com mais de 50 anos prestados ao radialismo paraibano, iniciou a carreira no ano de 1964, em plena ditadura militar, no bairro da Torre, como locutor da Difusora Luso-brasileira, pertencente ao radialista Manoel Alexandre.Âncora do programa BOM DIA PARAÍBA, apresentado pela rádio Sanhauá, na freqüência AM 1.280, Cardivando foi o comunicador pioneiro, a colocar o ouvinte no ar através do telefone. No seu programa, são abordados diversos temas sempre com a participação do ouvinte. Dono de um estilo singular de fazer rádio, Cardivando de Oliveira é o criador do bordão: "Tu cai daí", ora utilizado por ele, sempre que um ouvinte comete um deslize, ou exagera num determinado comentário.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios