João Azevêdo firma cooperação técnica com BNDES para estudos de PPPs em áreas estratégicas para o desenvolvimento da Paraíba

O governador João Azevêdo se reuniu, nesta terça-feira (14), em Brasília, com o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, ocasião em que assinou um termo de acordo de cooperação técnica entre o Governo do Estado e a instituição, que visa a realização de estudos de viabilidade e modelagem de parcerias público-privadas (PPPs) em áreas como saneamento, captação de águas, rodovias, eficiência energética e tratamento de resíduos sólidos.

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual destacou que a parceria firmada com o BNDES viabilizará novas ações voltadas ao desenvolvimento da Paraíba. “A partir do momento que o banco mudou o seu foco de atuação, questões como sustentabilidade ambiental, inclusão e desenvolvimento social passaram a fazer parte desse contexto, tornando mais viável a implementação de ações que fazem com que a Paraíba seja inserida nesse foco. A possibilidade de estudos nas diversas áreas permitirá levar ao nosso estado mais riquezas, distribuição de renda e inclusão social, fazendo com que possamos avançar de maneira sólida, dando passos seguros em busca de um melhor crescimento”, explicou.

O presidente do BNDES, Gustavo Montezano, ressaltou a importância da parceria com o Governo da Paraíba. “Essa reunião marca o início de um trabalho conjunto para desenvolver o estado em diferentes frentes. Esse é um trabalho a quatro mãos e essa parceria é fundamental, pois agrega o conhecimento regional e o entendimento das necessidades locais e a expertise financeira de modelagem do banco. Nós vamos fazer reuniões periódicas para acompanhar o andamento de todas as ações e temos certeza de que juntos vamos entregar um bom resultado e qualidade de vida ao cidadão paraibano”, pontuou.

Os secretários Ronaldo Guerra (Governo e chefe de gabinete do governador); Gilmar Martins (Planejamento, Orçamento e Gestão); Adauto Fernandes (executivo da Representação Institucional); e o procurador-geral do Estado, Fábio Andrade, acompanharam a reunião.

Tags

Assessoria

Com mais de 43 anos prestados à radiofonia paraibana, o radialista Cardivando de Oliveira iniciou a carreira em plena ditadura militar. Apresentador do programa BOM DIA PARAÍBA, na rádio Sanhauá, Cardivando é dono de uma audiência invejável.Cardivando Cavalcante de Oliveira, pessoense, radialista com mais de 50 anos prestados ao radialismo paraibano, iniciou a carreira no ano de 1964, em plena ditadura militar, no bairro da Torre, como locutor da Difusora Luso-brasileira, pertencente ao radialista Manoel Alexandre.Âncora do programa BOM DIA PARAÍBA, apresentado pela rádio Sanhauá, na freqüência AM 1.280, Cardivando foi o comunicador pioneiro, a colocar o ouvinte no ar através do telefone. No seu programa, são abordados diversos temas sempre com a participação do ouvinte. Dono de um estilo singular de fazer rádio, Cardivando de Oliveira é o criador do bordão: "Tu cai daí", ora utilizado por ele, sempre que um ouvinte comete um deslize, ou exagera num determinado comentário.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios